Pular para o conteúdo

Como fazer a dieta do ovo – com cardápio para três dias

Quem nunca tentou fazer aquela dieta para ficar com o shape em dia?

A dieta do ovo é baseada em consumir ovos em todas as refeições principais do dia. A proteína ajuda a diminuir a fome antes das refeições, reduzindo a quantidade de ingestão de alimentos e promovendo o emagrecimento. Se for tentar fazer esta dieta é recomendado diminuir a ingestão de alimentos ricos em carboidratos, como algumas frutas e tubérculos, como batata, aipim e batata doce, reduzindo as calorias da dieta e favorecendo a perda de peso.

Confira como fazer a dieta da proteína

A dieta do ovo pode ajudar a emagrecer até 5,5 kg por semana, mas é necessário ficar atento uma vez que trata-se de uma dieta muito restrita em calorias e nutrientes. O aconselhável nesses casos é passar por um nutricionista, para avaliar as necessidades nutricionais, elaborando um plano alimentar individualizado.

Como fazer a dieta do ovo?

Essa dieta tem duração de 2 semanas, geralmente. É aconselhável comer 2 ovos no café da manhã, junto com uma porção de vegetais com baixo teor de carboidratos, como tomate e espinafre, e uma porção de fruta low carb, como morango e pera.

Antes do almoço e do jantar, coma mais 1 ovo cozido para que a proteína e a gordura presentes no ovo ajudem a controlar a fome, diminuindo o volume das refeições.

Os ovos devem ser preparados de preferência cozidos, porque contêm menos calorias, mas também podem ser feitos na forma de omelete ou mexidos, com um fio de azeite, manteiga, ou óleo de coco, que são fontes de gorduras saudáveis.

Durante a dieta, os alimentos permitidos são os ovos, as proteínas magras, as frutas e os vegetais com pouco carboidrato, como explicado a seguir:

  • Ovos, incluindo a clara e a gema;
  • Proteínas magras, como peixe, frango sem pele e carne bovina magra, como músculo, patinho e alcatra;
  • Vegetais com pouco carboidrato, como espinafre, cebola, alho, tomate, rúcula, abobrinha, berinjela, pimentão, brócolis e couve;
  • Frutas low carb, como kiwi, pera, maçã, coco, abacate e limão;
  • Gorduras, em pequenas quantidades, como azeite, óleo de abacate, óleo de coco, manteiga, nozes e castanhas;
  • Ervas e especiarias, como pimenta, salsa, coentro, alecrim, cúrcuma e orégano;
  • Laticínios com pouca gordura, como leite desnatado, iogurte desnatado e queijos brancos.

As bebidas sem calorias, como água, chás e café sem açúcar, também são permitidos durante a dieta.

Durante a dieta do ovo é importante evitar alguns alimentos ricos em carboidrato como alguns cereais, frutas com alto teor de carboidratos, doces, alimentos industrializados, leguminosas e bebidas ricas em calorias.

É recomendado também evitar tubérculos, como aipim, batata, batata doce, cará e inhame, porque esses alimentos têm alto teor de carboidratos, aumentando as calorias da dieta.

Cardápio da dieta do ovo

Confira o cardápio elaborado para três dias da dieta do ovo:

Refeição Dia 1 Dia 2 Dia 3
Café da manhã 2 ovos cozidos + 1 xícara de café sem açúcar + 6 morangos 2 ovos mexidos +1 xícara de chá verde sem açúcar + 1 laranja 1 omelete de 2 ovos com espinafre, cogumelos e queijo + 1 xícara de café sem açúcar + + 1 maçã
Lanche da manhã 1 iogurte natural desnatado com 1 col de sobremesa de sementes de chia 1 pera + 3 nozes 1 copo de vitamina preparada com 150 ml leite de amêndoa, 4 morangos e 1 col de sopa de aveia em flocos
Almoço / Jantar 1 ovo cozido + 1 filé de frango grelhado com molho de tomate, caseiro + 2 col de sopa de arroz integral + 1 prato de sobremesa de salada de alface, pepino, rúcula e tomate, temperada com vinagre e 1 col de sobremesa de azeite + 1 tangerina 1 ovo cozido + 1 filé de peixe assado + 2 col de sopa de quinoa cozida + 1 prato de sobremesa de brócolis, cenoura e chuchu cozidos e temperados com 1 col de sobremesa de azeite + 1 kiwi 1 ovo cozido + 1 berinjela média assada, recheada com 150g de tofu + 1 prato de sobremesa de salada com alface, tomate, cebola e cenoura, temperada com 1 col de sobremesa de azeite e vinagre + 1 goiaba
Lanche da tarde 1 maçã cozida com canela e 1 col de sopa de aveia em flocos 1 iogurte natural desnatado com 1 col de sobremesa de linhaça em pó e 1 col de sopa de amendoim Mingau feito com 1 col de sopa de farelo de aveia,  200 ml de leite desnatado, ou bebida vegetal, e 1 pitada de canela em pó

Por ser uma dieta muito restrita, essa dieta deve ser feita por até 2 semanas e, de preferência, com a orientação de um nutricionista

Devido à pouca quantidade de carboidratos, algumas pessoas podem sentir cansaço, tontura e mal estar durante essa dieta. Sendo assim, essa dieta não é recomendada para pessoas com predisposição genética para colesterol alto, a hipercolesterolemia familiar, para pessoas com doenças nos rins, e com alergia, ou intolerância, ao ovo. Ela também não é indicada para mulheres grávidas ou que estejam amamentando, assim como para crianças e adolescentes, e pessoas com alteração no comportamento alimentar, como compulsão, anorexia ou bulimia.

Gabriel

Gabriel

Especialista em crédito. Antes de mais nada, apaixonado por tecnologia! Bacharelado em Comunicação Social (Publicidade e Propaganda) e MBA em Gestão de Negócios.

Você também pode gostar ↓↓↓